5 Formas de Te Motivares

Motivação. Motivo ou conjunto de motivos que nos levam a agir de determinada forma. Um tema badalado, estudado e mais do que debatido. Algo que procuramos constantemente no nosso dia a dia e a desculpa constante para o desleixo ou para a inércia.

  • «Faltava-me motivação para me dedicar ao trabalho, pelo que estive alapado no sofá e não entreguei o projeto a tempo».
  • « Estava desmotivado para cozinhar, por isso preparei noodles instantâneos pela sexta vez esta semana».

Acho que já deu para perceber a ideia, certo? A motivação serve para alcançarmos algo, a falta dela serve como desculpa para o facto de nem tentarmos.

Cada um encontra a sua forma de se motivar no dia a dia. Muitas vezes até para tarefas tão simples como sair da cama de manhã ou levantar do sofá para ir cozinhar. Na vida, muitos são os motivos que nos levam a querer atingir metas, muitas são as fontes de motivação e segredos para não nos deixarmos cair na rotina do belo fare niente.

Eu sei do que falo. Há uns dias mais difíceis do que outros, há semanas cheias de dias difíceis e meses que podem parecer infindáveis. Eu também tenho desses dias, semanas e meses. Só eu sei, como esta semana foi tempestuosa, cheia de contratempos e azares, mas procurar motivação para trabalhar, para me dedicar aos meus projetos ou até para me levantar da cama, foi uma constante na rotina.

Não consigo estar parada, se o fizer sinto-me culpada, principalmente quando tenho projetos em mão. Esta semana, mesmo sendo uma daquelas para esquecer, não me podia dar ao luxo de simplesmente dedicar o meu tempo a pensar no caldo que já fora derramado, tive de procurar formas de não me focar naquilo e avançar.

Eu tenho cinco formas de motivar que são infalíveis. As quais me dão ânimo para avançar e dar mais de mim às tarefas que tenho para fazer. E durante esta semana, ao pô-las em prática, dei por mim a pensar que talvez fosse interessante partilhá-las convosco aqui.

Se me ajudam a mim, podem também ajudar outros. Pelo que aqui vos deixo as 5 formas de encontrar motivação.

1.

OUVIR MÚSICA

Quando eu falo em ouvir música, falo mesmo em ouvir música. Parar um bocado e apreciar o que estamos a ouvir. Quando me procuro motivar ouço música com batidas mais alegres, o objetivo não é desmotivar ainda mais, pelo que músicas de pôr as lágrimas no canto do olho estão completamente banidas da playlist.

Esta é a altura de irmos buscar todos os nosso guilty pleasures musicais e lhes darmos uso. Ou então, ouvir aquela banda ou artista que sabemos que nos deixa sempre bem-dispostos e com energia.

Aprecia a música durante um bocado, vibra com ela e dá até um pézinho de dança se isso for o boost de que precisas para arrancar. Eu não danço, tenho dois pés esquerdos, mas gosto de pôr a música bem alta, fechar os olhos e marcar o ritmo com as mãos e os pés. Nestas alturas ouço os BTS, Vampire Weekend, Hamilton ou Panic! at the Disco, entre outros. Sei sempre que me vão dar a energia que preciso para me dedicar ao que tiver de ser feito.

2.

MÉTODO DA RECOMPENSA

Quando a música por si só não chega para motivação, usar o método da recompensa também é bastante eficaz. Qualquer coisa que nos deixe feliz ou que nós queremos muito fazer pode servir de motivação para alcançarmos algo.

«Se for treinar durante uma hora, posso ver um episódio de “Desgraça ao seu dispôr”, no Viki» ou «se eu trabalhar no projeto toda à tarde, à noite posso descansar e ler um livro». Qualquer tipo de recompensa pode ser utilizada para nos motivarmos a atingir determinada meta.

Às vezes são metas a longo prazo, como acabar um curso com sucesso, arranjar emprego ou outra qualquer meta. Mas para a qual é necessário dedicação e esforços diários, para os quais precisamos de motivação de forma a não nos desleixar-mos no caminho.

Eu normalmente recompenso-me com um episódio de uma série ou um serão dedicado a fazer nada.

3.

VISUALIZAÇÃO

Aqui temos de usar os nossos conhecimentos em futurologia para conseguirmos pôr em prática esta forma de nos motivarmos. Consiste em visualizarmos o que pretendemos alcançar com determinada tarefa, seja a curto ou longo prazo.

O que difere a visualização da recompensa é que, no método anterior, nós motivamo-nos com o que nos será concedido se fizermos determinada tarefa, na visualização, nós motivamo-nos com o que alcançaremos com a tarefa em questão.

  • «Se eu me dedicar ao trabalho durante a tarde toda, depois posso ver uma série à noite.» – Recompensa.
  • «Se eu me dedicar ao trabalho durante a tarde toda, vou terminar o projeto. O qual posso pôr no portfólio, o que me permitirá estar um passo mais perto de alcançar o meu emprego de sonho.» – Visualização.

Para muitas pessoas a visualização pode ser mais do que um pensamento da meta final. Muitos preferem manter imagens que representem esse mesmo fim, por perto, de forma a motivarem-se todos os dias quando olham para elas.

4.

LER SOBRE MOTIVAÇÃO

Parece parvo, mas resulta. Procurar ler artigos sobre motivação pode ser bastante motivacional. Nesses artigos encontramos formas de nos motivarmos e combatermos a inércia que se apodera de nós. Quase como este artigo, que espero que ajude pelo menos uma boa percentagem de vocês a encontrar a motivação de que precisam para se fazerem ao caminho e se dedicarem a alcançar os vossos objetivos, sejam eles grandes ou pequenos.

Por isso, procurem blogs, revistas ou artigos sobre “Como encontrar motivação”. Eu gosto muito de ler o Career Girl Daily, é um site onde falam imenso sobre como alcançar o bem estar e o sucesso na vida. Debate muitas vezes sobre a motivação e como encontrá-la, por isso, passem por lá e deem uma espreitadela.

5.

INSPIRA-TE

Quando te sentires desmotivado, sem força e prestes a desistir de fazer algo, olha à tua volta. Inspira-te nos exemplos que te rodeiam ou em pessoas inspiradoras que um dia já estiveram na tua situação, mas que superaram os obstáculos e alcançaram as mesmas metas que pretendes alcançar.

Se elas conseguiram, tu também consegues e o facto de pensares assim pode ser a motivação necessária para fazer o que tens a fazer. Inspira-te em histórias, pessoas ou até mesmo filmes que retratem o que tu pretendes alcançar, foca-te nos seus exemplos e deixa que sejam a linha guia para avançares.

.

Estas são as 5 formas que uso para encontrar a motivação que teima em não aparecer. Sei que por vezes é mais fácil nos deixarmos levar pela preguiça, pela “falta de motivação” e por todas as desculpas que nos vêm à mente, mas é gratificante quando as superamos e vemos os frutos do nosso esforço.

Se eu recebesse um cêntimo por cada vez que escrevi a palavra motivação e derivados desta nest post, já tinha arrecadado uns trocos.

Espero que tenha sido útil e que seja a “motivação” que precisas para sair de trás do computador ou telemóvel e te dedicares a alcançar os objetivos, superar as tarefas mais chatas que tenhas pela frente ou simplesmente a combater as desculpas que te levam a não fazer nada.

E tu? Como ou onde encontras motivação?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: