Domingo, o dia de recarregar energias

O fim-de-semana já por si só é, supostamente, o momento de descanso de quase toda a gente. Quando era mais nova era o momento de pôr em dia os trabalhos da escola, de ter as atividades extracurriculares como os escuteiros, a catequese, as aulas de pintura, etc.

Até ao fim da minha adolescência sempre consegui que os dias destinados ao descanso fossem os momentos de grande agitação e correria.

Ao caminhar suavemente para a vida adulta, comecei a entender a importância do descanso depois de uma semana atarefada e tentava concentrar as minhas atividades todas ao sábado para que pelo menos o meu domingo fosse apenas e somente para relaxar. É importante, principalmente quando procuramos um nível elevado de produtividades nas nossas vidas, encontrar um contra peso para manter o equilíbrio.

Um dia li num livro, o qual já não me recordo o nome, que os devemos arranjar na nossa vida o mesmo tempo de descanso e de trabalho, para conseguirmos alcançar o sucesso. E, com sucesso, não me refiro a uma vida milionária, rodeada de cifrões e capas de revista, mas sim, o sucesso pessoal.

Desde que comecei o blogue que me refiro muitas vezes à produtividade, pois é algo que eu procuro alcançar. Só quando me mexo e vejo frutos do meu trabalho é que me sinto concretizada. Pelo que tenho feito de tudo para procurar encontrar formas de alcançar o nível de produtividade que me levará ao meu sucesso pessoal. Nesse sentido, adotei algumas fórmulas e métodos que tenho usado no meu dia a dia e utilizo o domingo como dia de recarregar energias. Este método tem sido um sucesso para mim.

Limito-me a fazer e a praticar tarefas que me fazem relaxar e aproveitar o momento. Recarregando as energias com momentos, risos, conversas e atividades que me fazem feliz. Estes domingos são de tal forma relaxantes que sinto que as segundas-feiras começam de uma forma mais suave e com a energia ao rubro.

Por norma os meus domingos têm cinco momentos chave ou os momentos que o tornam tão especial e uma verdadeira fonte de energia positiva.

1 . PEQUENO-ALMOÇO EM FAMILIA

Não é algo obrigatório, em que temos de picar o ponto e assim, mas é algo habitual cá por casa tomarmos todos o pequeno-almoço juntos ao domingo. Apesar de ser uma pessoa muito maldisposta ao acordar, o pequeno-almoço com os meus é algo de que gosto muito. Posso estar meia irritadiça, com cara de quem vai matar alguém, mas na verdade aquele momento é o ponto fulcral para começar bem o resto do dia.

Como sou a única que acorda de mau humor, absorvo a boa energia dos que me rodeiam, sem retirar a deles como é óbvio.

2 . CAMINHADA MATINAL

A seguir ao pequeno-almoço segue-se a caminhada matinal. Quando era mais nova, as caminhadas de domingo de manhã eram algo mais assíduo. Eu planeava as rotas com antecedência e fazia tudo por tudo para nunca repetirmos trajetos. Mas graças a alguns problemas que foram surgindo, que me limitaram um pouco, e também graças à pandemia, limito-me a caminhar pela minha zona de residência. Uma caminhada leve de cerca de 4km, que me permite absorver um pouco de sol, encontrar inspiração na natureza e que me ajuda a acordar.

3 . MOMENTO CULINÁRIO

Domingo é dia de descanso e, como tal, tem de haver um momento em que me dedico à cozinha. Cozinhar para mim é uma forma de relaxar e criar / estudar receitas tem de fazer parte do meu domingo. Posso até não chegar a meter as mãos na massa, posso ficar apenas a folhear livros, planear listas de compras e projetos para a semana, ver receitas no Pinterest ou vídeos no Youtube, mas para mim é essencial um pouco do meu domingo ser dedicado a isso mesmo.

Dá-me a sensação de produtividade e motivação necessária para entrar na segunda-feira com o pé direito. Para uns este momento é ler, para outros costurar, para outros até pode ser passar a ferro, para mim é dedicar um momento à culinária.

4. DESCANSO

O momento do belo do dolce fare niente, em que apenas nos estatelamos em qualquer lado, seja no jardim, no sofá ou até mesmo na cama e nos dedicamos a descansar. Não falo em dormir um sesta, pois eu não lido bem com adormecer a meio do dia, falo mais sobre aproveitar um livro, ver um filme ou uma série e descansar. Ou então pode ser um momento de conversa ou um programa a dois, o que importa é que não seja nada relacionado com trabalho ou que canse fisica nem psicologicamente.

5. SELF CARE

A cereja no topo do bolo é terminar o domingo com um momento de self care mais aprimorado. Uma chávena de chá, um bom livro e uma máscara facial. Parece cliché e foleiro, mas adoro este momento. É um momento para mim e em que estou sozinha. Em que não existe mais nada para além da música de fundo, as páginas de um livro e um banho quente. Em que mimo a minha pele com uma máscara facial, mimo o meu cabelo com uma máscara hidratante e me foco em mim por uns minutos. Um momento precioso e muito bem-vindo. O remate final num domingo descansado.

Estes são os meus cinco momentos essenciais para um domingo a recarregar energias. Nem sempre tenho hipótese de usufruir de todos, mas por norma são sempre assim, meios rotineiros, mas super relaxantes.

Deixe uma Resposta para C. Menezes Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: